segunda-feira, 20 de maio de 2013

Homenagem a pessoas que merecem ser lembradas

A chuva insiste em deixar sua harmonia no ar. Um ruído suave e continuo lá fora, acalma, desperta, enche o ambiente. Passa-se mais um final de semana, mais um dos milhares módulos do tempo que temos pela frente. Esses últimos dois dias foram de uma intensidade interessante falando do aspecto amizade. Fui a um show de um cantor conhecido de pagode, e como sempre tomamos conta do lugar, com nosso grupo de amigos para lá de alto astral. Dançar? Nossa, a meu ver arrasamos, do nosso jeito, mas arrasamos.

Fizemos mais algumas amizades como sempre. Pessoas que têm muito em comum por serem de nosso estado natal, e por terem aquela bela simplicidade como assim é visível no caráter de todos de meu círculo de amizade.
Percebi que não estou deixando de fazer nada do que tem de ser feito. Cada dia que passa conheço mais e mais pessoas. E o incrível é o fato de serem pessoas que somam. Somam em questão de assuntos, informações, música e principalmente vida. Meu coração se alegra diante de tanto carinho e consideração. Não tenho o principal que é minha família, mas tenho os amigos, que são mais chegados que irmãos. Pessoas que se preocupam em saber como estou, em saber como está o andamento da Universidade, do trabalho profissional. E isso é importante. Sentimos-nos protegidos e cuidados. Isso é que todo ser humano precisa. Estreitar laços fraternos. Ampliar seu grupo independente da tribo.
Aceitar a subjetividade de cada um. Não importando se os gostos musicais, hobby’s ou objetivos são diferentes. O sublime é aceitar a subjetividade e aprender com as novas informações. Como todos sabem, que graça teria se todos fossem como quiséssemos ou gostassem de tudo que gostamos?
Onde ficariam o aprendizado de novas informações?
Onde cresceríamos e aprenderíamos sobre os vários caminhos da vida?
O aspecto mais lindo do ser é exatamente isso, a capacidade de adaptação a novas situações externas. Tudo passa muito rápido, e a forma de ser feliz e ter cem por cento de aproveitamento, é usufruir a oportunidade de viver um dia após o outro. Viver ao lado de quem nos faz bem, ao lado de quem nos quer bem, aprender um pouco mais do mundinho de cada um.
Ninguém percebe, mas quem ganha com tudo isso somos nós mesmos. Amizades, risadas, churrascos, músicas, flashes, danças, tirar sarro, brincar, ser novamente crianças nesse mundo atribulado e sem amor. Amo o dom divino do ser humano de interagir positivamente. Sou eterno fã de pessoas que sabem conversar, sabem fazer amigos, sabem ser seres humanos. Saber viver a essência daquilo que Jesus queria que todos fossem. Não mais um protótipo pré selecionados da sociedade e sim simples e complexos seres humanos.

Deixo meu carinho ao Tiago, mais que irmão de sangue, um cara que levarei a vida toda no coração e na caminhada. Ao Michel, irmão de sonhos, de conquistas, de trocar papo, o brother que parece ter o mesmo encéfalo que o meu de tão parecidos que pensamos e agimos na vida.
Ao jovem de espírito Edvan, uma semana de convivência e já tirou onda da minha cara quando o Grêmio perdeu a classificação da Libertadores, amizade que será muito positiva nas alegrias da vida.
Ao Vitor, o único português que conheci e uma das pessoas mais educadas, queridas e humanas que já vi. Ahh, e o único que aprendeu rápido a falar as interjeições do Rio Grande do Sul – Tchê e Bah. Sua preocupação com as pessoas é incrível. Com certeza o visitarei em Portugal algumas várias vezes. Seu retorno para lá deixará saudade por aqui Portuga, principalmente no Roques Bar.
Meu beijo a Maila, essa gaúcha de personalidade forte e intensa. Decidida, preocupada, empenhada, uma pena que é Colorada, tirando isso não deixa nada a desejar como amiga e irmã. Com certeza uma amizade que se estenderá ao futuro até onde ele existir.
A Cíntia, mulher do Michel , que mostra ser uma pessoa adorável e grande companheira desse meu brother. Admiro o carinho desses dois. A cumplicidade, o empenho. Mulher virtuosa com certeza.
E aos dois gaúchos que nos pediram ingressos para o show momentos antes de entrarmos. Pablo e Mariana vocês são incríveis no aspecto simpatia e diversão. O mundo precisa de pessoas como vocês. Que não se sentiram acanhados em brincar, divertir-se e confiar mesmo não nos conhecendo. Conhecer pessoas em um show e no outro dia aceitar fazer churrasco na casa delas são poucos que o fazem. Espero que possamos nos divertir muito mais quando o Pablo vier de Porto Alegre, e avisa ele que precisa trazer o babador que dei de presente.

São tantas pessoas, tantos amigos no período desse um ano em Balneário Camboriú. Parei para contar e passam de 30 pessoas conhecidas. Lola, Tati, Josiane, Renata, Gabriela, Daiane, Gabe, Aline, Andressa, Ali, Ramiro, Sandro, Tales, Dionatan, Ana, Bruna, Lia, Raissa, Letícia, etc... Não tem como citar. De cada uma delas absorvi o aprendizado de suas subjetividades. Minha vida é essa. Conhecer, aprender, ser, estar, viver. Simplesmente amo o ser humano e suas simples complexidades. 
Rumo ao futuro meus amigos, pois o final é um só, e ainda bem que está longe. 
Amo cada um de vocês, de coração.

Júlio Gonçalves, 20 de Maio de 2013 
(Após churrasco, risadas e amigos. Comemoração ao arraso do Show do Rodriguinho e as amizades que Deus nos presenteia)