quinta-feira, 11 de julho de 2013

Poesia sem nome

É tanta coisa linda nesse mundo,
tanta arte, tanta poesia, tanta música boa
fotos e passos de dança...
isso sim encanta!
isso sim encanta!
E você aí perdido, no seu mundinho
preto e branco, raramente uns tons de cinza
mas faz tempo que nada consegue colorir sua retina
Veja as flores, sinta a brisa
O sol se põem todos os dias, e as ondas que beijam a areia
também estão lá, pra te encantar... pra te encantar

Então acorda ser humano, você foi feito pra ser feliz
Os robôs deveriam sentir inveja da sua sensibilidade
e não você sentir orgulho da sua intelectualidade.
Há tanto pra se ver, tudo pra se viver
reinos escondidos pra você descobrir
e você ocupado de mais para simplesmente se dar o direito de rir.